REVISTA TAMANDUÁ — n.2 | v.I | ano 2 (2015)

A estrada dos tijolos amarelos até o campo da arte
Maria Luiza Zenobio de Assumpção Villar Laufhütte, Mestranda, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
Alberto Cipiniuk, Doutor, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
Há realmente especificidade no design para a sua regulamentação?
Marcelo Vianna Lacerda de Almeida, Doutor, Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF
A produção social das imagens em arte e design 
Elenir Morgenstern, Doutora, Universidade da Região de Joinville – UNIVILLE
Alberto Cipiniuk, Doutor, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
“Filosofando” o Design: uma problematização da visão do campo 
Mariah Antunes, Mestranda, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
O dilema da formação de artífices especializados no Brasil: semelhanças, correspondências e contrastes entre a Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios, Instituto de Arte Contemporânea e Núcleo de Animação do Centro Técnico Audiovisual  
Leonardo Freitas Ribeiro, Doutorando, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
Alberto Cipiniuk, Doutor, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
A Missão Francesa no Brasil: criação da Escola de Belas Artes e a primeira exposição pública de pinturas de 1829. Possíveis motivos e reflexos no campo do Design no século XX
Karla Schwartz, Mestranda, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio 
Alberto Cipiniuk, Doutor, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
“Depois que o visual virou quesito…”: brechas e desencontros para uma breve História do Design no Brasil
Camilia Olivia-Melo, Doutoranda, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
Denise Portinari, Doutora, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio
Alberto Cipiniuk, Doutor, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio